Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Pesada no Estado do Paraná

Imagem
Imagem
Imagem

Negociações caminham para o fechamento de acordo


Representantes dos trabalhadores e dos patrões aguardam a divulgação do índice oficial da inflação (INPC) para continuar as tratativas. Sintrapav não abre mão da manutenção de todos os direitos da CCT.

Desde o início do ano, o Sintrapav Paraná, legítimo representante dos trabalhadores da construção pesada no estado, mobilizou a categoria para a Campanha Salarial 2019. 



Foram feitas mais de 40 assembleias em frentes de obras e sedes de empresas para ouvir os trabalhadores e construir uma pauta de reivindicações, documento que é apresentado aos patrões para iniciar as negociações da renovação da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT).



A CCT representa o conjunto de regras que estabelecem as condições de trabalho da categoria. Tais como pisos salariais, remunerações, direitos e benefícios. Este documento tem poder de lei e deve ser seguido à risca pelas empresas. 



Todo ano, o Sindicato dos Trabalhadores (Sintrapav) e o Sindicato Patronal (Sicepot) se reúnem para negociar a renovação da Convenção Coletiva.



Graças à luta dos trabalhadores, organizados em um Sindicato Forte, conquistamos ao longo dos anos importantes direitos, a exemplo dos pisos salariais, Participação nos Lucros e Resultados (PLR), Horas Extras diferenciadas, cesta básica, vale refeição, indenização por tempo de serviço, seguro de vida, homologação das rescisões de contratos no Sindicato, entre outros. 



Como o Sintrapav Paraná é um Sindicato de luta, na Campanha Salarial deste ano foi deixado claro aos patrões, desde o início das negociações, que não aceitaríamos retrocessos nos nossos direitos enquanto categoria organizada. 



Até o momento, as reuniões entre os sindicatos apontam para a manutenção dos direitos. O que ainda está em discussão são as reposições de ordem econômica, como pisos, salários e vale refeição, por exemplo. 



Porém, para avançar nas negociações da CCT, é preciso aguardar a divulgação do índice oficial de inflação (INPC), o que deve acontecer nos próximos dias. 



No dia 04 de junho, as empresas estarão em assembleia para debater, entre elas, a renovação da CCT. Já no dia 11, haverá nova rodada de negociação entre os sindicatos de trabalhadores e patrões. A expectativa é que se chegue a um acordo entre as partes. 



Após essa rodada, o Sintrapav deve convocar assembleias para que os trabalhadores avaliem o resultado das negociações. Aprovação, continuidade das tratativas ou enfrentamento em um movimento reivindicatório são os caminhos possíveis. Transparência, luta e responsabilidade são os valores que norteiam a atuação do Sintrapav Paraná.